quarta-feira, 5 de dezembro de 2007

Echad

Shalom,

Tenho visto ultimamente algumas pessoas que, na ânsia de provar doutrinas que são inexistentes na Bíblia, até mesmo "inventarem" significados para palavra do idioma hebraico que não correspondem aos verdadeiros significados. É o caso da palavra אחד - 'echad - um, que essas pessoas afirmam significar que múltiplos elementos formam "um", para justificar que existe a indicação de uma "unidade composta" no texto de Devarim (Deuteronômio) 6.4 que diz:

שמע ישראל הי אלקינו הי אחד*

Shemá Isra'el 'Ad-nai 'Eloqeinu 'Ad-nai 'Echad

Ouve Israel, Ad-nai é nosso D-us, Ad-nai é UM.


*As palavras em hebraico foram adaptadas para que o mandamento de não utilizar o Nome do Eterno em vão fosse cumprido

A palavra "echad" em hebraico significa apenas "um", tal qual no português. Quando contamos de um a dez no hebraico de forma masculina, dizemos:

"echad, shnayim, shelosha, arba'a, chamisha, shisha, shiv'a, shmona, tish'a, assara"

Como pode haver "unidade composta" no número "um" ? Então vemos que existe algo errado aí, vamos ver outros exemplos bíblicos:

ויהי ארב ויהי בוקר יום אחד

vayhi 'erev vayhi voqer yom echad

"E foi tarde, e foi manhã, um dia" - Bere'shit (Gênesis) 1.5b

Como podemos ver, a palavra "echad" aqui não significa "unidade composta", está se referindo a "um dia", e na palavra "dia" não há unidade composta. Vejamos mais um exemplo bíblico:

ויומר אלקים יקוו המים מתחת השמים אל מקום אחד

Vayomer 'Eloqim yqavu hamaim mitachat hashamaim 'el maqom echad

"E disse D-us: Ajuntem-se as águas que estão debaixo dos céus num só lugar..." Bere'shit (Gênesis) 1.9

Mais uma vez temos a palavra "echad" no texto bíblico original em hebraico e mais uma vez não vemos nenhuma "unidade composta", pelo contrário, o tradutor "Almeida" traduziu "echad" como "um só", tirando qualquer dúvida sobre o verdadeiro significado da palavra "echad".

Existe outra palavra hebraica que eles gostam de mudar o significado também, é a palavra יחיד - yachid - "único", a qual eles atribuem o significado de "unidade absoluta", afirmando que se D-us quisesse dizer que é um só, teria usado essa palavra em Devarim 6.4 ao invés de "echad". Vejamos o uso comum das palavras "echad" e "yachid":

ויהי איש אחד שהיה לו בן יחיד

Vayhi 'ish 'echad shehayah lo ben yachid

"havia um homem que tinha um único filho"

Esta frase mostra bem a diferença entre "echad" e "yachid", mas não da forma como esses "inventores" ensinam ("unidade composta" e "unidade absoluta"), mas sim como existe a diferença no português entre "um" e "único", enquanto o primeiro é "número", o segundo é "adjetivo". Por isso nós vemos que esse argumento de "unidade composta" e "unidade absoluta" só enganam aqueles que não têm nenhum conhecimento de hebraico. Concluindo, e para que não haja mais dúvidas, segue o significado de cada palavra:

אחד - 'echad - um - número
יחיד - yachid - único - adjetivo
יחד - yachad - unido - adjetivo
יחידה - yechidah - unidade - substantivo

Recomendo a todos que quando alguém vier explicando alguma coisa e utilizar o idioma hebraico, pesquise, pergunte para professores se está correto, não aceite simplesmente porque não sabe.

Chag Chanuká Sameach !!!

7 comentários:

AREGIS disse...

Muito este pequeno artigo.

Acontece que muitos se intitulam professores ou conhecedores do hebraico, e como quem tem um olho em terra de cego é rei fica a prática do erro como certo.

Particularmente nunca absorvi o conceito de "unidade composta", e creio que este estudo é luz para os estudiosos sinceros do hebraico.

Lucas disse...

Otimo.Gostei muito do mentário, é curto e grosso.Sem muita ladainha.Agora porque esta controversa? Esta controversa é somente no mundo religiosso ou existem também no mundo linguistico? Todos os mestres da lingua Hebraica concorda?

Contato disse...

Lucas,

Quem inventou essa estória de "unidade composta" foram pessoas que buscam base para justificar a trindade. Essas pessoas acabam se passando por eruditos perante os leigos quanto ao idioma hebraico, porém são desmascarados com 5 minutos de conversa com alguém que entenda da língua.

DLuz disse...

Pois é, mas considerando que o texto é claro em dizer tarde E manhã, dia um,Moisés fez questão( a mando do Eterno) de registrar por escrito a composição dos periodos que dão sentido ao uso de Echad e não Yachid, embora no portugues a aplicação possa ser por qualquer das duas, no hebráico é específica. Se eu quisesse dizer dia 14 de Nisã, eu estaria especificando o dia em sí dentro do mês, mas no texto em Bereshit , o Eterno fez questão de que fosse usado Echad para que ficasse demonstrado a unidade dos peridos resultava em UM dia, isso foi reafirmado nos dias seguntes da Criação, ao dizer tarde e manhã dia x, tarde e manhã dia Y.
O argumento não está baseado no texto por sí mesmo e se o tiro do contexto a palavra do Eterno não encontra o correto objetivo de ensino. Vejamos mais..Bereshit 2: 21 (echad), 24 (echad); 3:22 (echad) e aqui cabe uma pergunta, Ele falava com quem, com anjos ao dizer que o homem é como um de nós? Que anjo pode ser como Deus? Então com quem Ele falava?
Continuando, Bereshit 11:6 (echad) eis que o povo é um e todos tem a mesma lingua (tratando de unidade de pessoas)..
Ainda, no pacto com Abrão(Bereshit 15:17),ao passar entre as metades dos animais enquanto Abrão dormia, Dus é descrito com dupla descrição identificadora(fogareiro e uma tocha),diz que O Eterno passou entre as partes...eu poderia continuar escrevendo mais uma dúzia de textos onde echad mostra ser dual(uma visão-dois olhos;uma locomoção-duas pernas;uma audição-duas orelhas.
Por favor, leiam Moisés e vejam que o Eterno disse sobre O Profeta, Deus vai pedir contas de quem não O ouvir, o mesmo profeta-mashiach que Isaías descreve teria um nascimento incomum, pois seria de "almah", coisa sobrenatural que só o Eterno poderia fazer;Teria que ser filho de David por pai e mãe(ainda que por pai fosse adotado);faria coxos andar e cegos verem, Zecharia 11 ..O Eterno diz de Sí, pesaram "o meu" pagamento, 30 moedas de prata...arroja isso ao oleiro, esse belo preço em que "fui" avaliado por eles.
Zecharia 12: 10 olharão para ALef Tav a quem traspassaram, e O chorarão com quem chora pelo Unigenito, como quem chora pelo Primogenito, naquele dia será grande o pranto em Jerusalem, como no vale de Megidom.

A Escritura diz o que diz,ninguem pode interpretá-la como quer ou atribuir o que deseja a ela, comentários não são Escritura, e Dus quer fidelidade daquele que ensina Sua palavra, o qual terá muito maior condenação ou aprovação segundo sua fidelidade as Escrituras.
Se Dus não pode(caso deseje ter feito) se fazer homem sem pecado, por favor DESCARTEM com tesoura Isaías 53 e 63, porque ou voces tem um Dus Eterno e Echad-dual, ou então Israel tem 3 redentores como Isaias 63 mostra: O Eterno, o anjo de Sua face e Espírito do Eterno.
Quem está com a verdade, os que resistem ou a Escritura?
O Eterno por Isaias 6 diz nos versos 9 Então, disse ele: Vai e dize a este povo: "Ouvis, de fato, e não entendeis, e vedes, em verdade, mas não percebeis."
10 "Engorda o coração deste povo, e endurece-lhe os ouvidos, e fecha-lhe os olhos; não venha ele a ver com os seus olhos, e a ouvir com os seus ouvidos, e a entender com o seu coração, e a converter-se, e a ser sarado."
Os incrédulos nas Escrituras não entraram na eretz Isarel por causa da incredulidade, não sejais incrédulos como eles, perdendo a redenção no mashiach Yeshua, que veio como servo, e há de voltar como Rei, na Sua 1a vinda elas se abrem no mashiach que sofre pelo pecado da raça, na volta as Profecias sobre Ele se fecham como Salvação e Rei.

Contato disse...

Acho que nem tenho mais o que falar sobre isso, pois eu dei as definições literais das palavras em hebraico, tais quais aparecem até mesmo em qualquer dicionário do idioma.

Então por gentileza, discuta com os dicionários.

Shalom

Yochanan da Fonseca disse...

Um é um em Hebraico e também no Português. É que os anti-Torah amam uma doutrininha fora das escrituras. Então ficam tentando achar alguma saída para mostrarem que "Echad" pode também significar único.

Problemas deles, que fiquem com suas abominações. Uma coisa é certa, Yahwéh não fecha seus olhos p/ nada, nem se depois eles disserem ha eu não sabia, me ensinaram assim.

Omar Nascimento disse...

Gente,
Por que vocês se fecham tanto em suas concepções? Do que adianta um e outro postarem suas opiniões baseadas naquilo que está escrito. Quem crê naquilo que foi inicialmente postado, porque vocês não conferem o que foi escrito por aquele que discordou? Vão ao texto. Esquadrinhem, palmilhem o texto. Vejam se ECHAD é aquilo que foi postado por aquele que discorda ou não.
Mas ao invés disso, vocês se escondem atrás de suas doutrinas. E pior, denigrem aqueles que estão atrás da outra doutrina.
Pessoalmente, eu detesto a doutrina romana, até porque as Escrituras são em hebraico, escritas por hebreus, no contexto, estilo de vida e geografia dos hebreus. Portanto, quando Roma "se converteu" e impôs o seu típico imperialismo "cristianizado", a partir daí tudo se deturpou, incluindo, obviamente, a interpretação da Palavra. E qto a Igreja Evangélica, essa é (na grande maioria) protestante de doutrina católica.
Portanto, o que estou propondo, em um debate que se originou há anos nesse blog, é que as pessoas ajam como os citados bereanos, conferindo nas Escrituras o que está escrito. Bom, nesse caso, quem não sabe hebraico já fica mais limitado, pois terá que seguir a opinião dos outros. E quem sabe, cuidado com as afirmações taxativas, pois conheço homens israelenses, de família ortodoxa, como Meno Kalisher e outros, que não são da mesma opinião que alguns aqui colocaram como líquida e certa no idioma hebraico. Não estou defendendo a posição do Kalisher ou do Shulam, muito menos dos antigos sábios de Israel, mas tentando promover o pensamento crítico, de acordo com o que todos os que citaram nas Escrituras.
Enfim, minha sugestão é que sejamos menos apaixonados pelas doutrinas, sejam elas milenares ou não, e estudemos as Escrituras como elas são. E que estudemos ainda mais quando uma opinião confronta aquilo que cremos, ao invés de darmos refutações baseadas no preconceito romano ou rabínico, e os dois dão muito motivo para isso. Vamos estudar as escrituras sem dizer que sou de Paulo ou de Apolo.
Fica aqui apenas uma forma de pensar e um estilo de vida.
SHALOM ALEICHEM,
Omar.