terça-feira, 6 de maio de 2008

Almeida Corrigida....e Fiel ?

Shalom,

É incrível o esforço dos tradutores cristãos para justificarem sua doutrina da anulação da Torah. Chegam até mesmo a adulterar o sentido das escrituras !!! Vejam o que diz o texto das traduções mais comuns em I Jo 3.4:

"Qualquer que comete pecado transgride a lei; de fato o pecado é a transgressão da lei

Esse texto é a tradução mais fiel, porém, existe uma versão das escrituras chamada "Almeida Corrida e Fiel aos Textos Originais" ou simplesmente ACF. Qualquer pessoa de coração sincero e que busca a verdade, vai preferir essa versão às outras, porque teria, supostamente, o sentido mais correto das escrituras. Será mesmo ? Vejamos o que diz essa versão:

"Qualquer que comete pecado, também comete iniqüidade; porque o pecado é iniqüidade"

Segundo essa versão, aquele que peca comete iniqüidade, mas e daí ? Tem alguma novidade nisso ? Pecado e iniqüidade são praticamente sinônimos, e dessa forma o texto ficou mais do que vago. O que diz o texto grego de onde essa aberração foi traduzida ?

πας ο ποιων την αμαρτιαν και την ανομιαν ποιει και η αμαρτια εστιν η ανομια

pas ho poion ten amartian kai ten anomian poiei kai he amartia estin he anomia

O que significa "anomia" na bíblia ? Se "nomos" significa "lei", então "anomia" significa estar fora da lei, estar contra a lei, estar contra a Torah e não simplesmente estar em iniqüidade.

O verso que mais nos explica o que é pecado acaba se tornando um texto totalmente inútil do ponto de vista doutrinário simplesmente porque aqueles que pregam contra a observância da Torah traduziram com "iniqüidade", ou seja, com falta de "eqüidade", com falta de justiça. Falta de justiça porque traduziram conforme eles pregam, não conforme as escrituras ensinam.

Outros tradutores que traduziram o verso para o hebraico, captaram perfeitamente o sentido da frase:

והחטא הוא פשע בתורה

"...e o pecado é a transgressão da Torah."

A ACF é fiel a quem ? Só se for ao Vaticano....

42 comentários:

Reinaldo disse...

Shalom...

Sinto-me muito feliz por saber que esse tipo de verdade está sendo revelada, mais ao mesmo tempo muito triste, ao saber que por erros de traduções muitos estão sendo enganados.

O Pior de tudo isso é que o próprio tradutor passando-se de desentendido e despercebido de (Apocalipse 22:18) assiste seu próprio julgamento.

fluvio disse...

mas sendo assimn qual é a tradução mais apropriada para nós lermos?
me mande por emai se possível.

Yossef ben Yehudah disse...

Fluvio, qualquer tradução que enxergue que as escrituras da bíblia devem ser entendidas no contexto judaico, é uma boa tradução. Em português não temos muitos recursos desse tipo (tirando o Novo Testamento Judaico), então devemos buscar a que menos conflita com a Torah e com o evangelho judaico de Yeshua.

Shalom

Pequeno Águia disse...

A Bíblia King James(Em Inglês), e a Contemporânea de Almeida Usada na Bíblia Thompson traduzem Corretamente Este Versículo.
Mas notemos: ...o pecado é a transgressão da lei...
E Está Escrito: Quem Ama Cumpriu A Lei. Quem ama, Ama A Deus Acima De Tudo, não mata, não rouba, não perjura, honra pai e mãe, etc.
Entendes?
Porém A Guarda De Sábado É Para Os Filhos De Israel, quanto aos Cultos, toda O Cerimonial judaico Não Foi Pedido No Novo Testamento, Ou Nova Aliança, se alguém ainda sacrifica bodes, Cordeiros, então não Crê ainda No Sacrifício De Jesus Cristo, Ou Yeshua.
A Graça Contém Leis, Mandamentos, não tenho dúvidas, mas, muita coisa No Antigo Testamento São Tipos, Símbolos Para O Novo Testamento.
Paz.

Pequeno Águia disse...

Obs.: O Que Faz Diferença É O Espírito Santo. Um Homem De Deus Disse: Não precisamos de novas traduções, existem Algumas Muito Boas, mas precisamos De Uma Real Revelação De O Espírito Santo.
Paz.

haTalmid shel Yeshua disse...

Só uma curiosidade que poucos sabem, é que nas congregações messiânicas do primeiro século havia sim o cerimonial judaico, como é feito ainda hoje nas sinagogas, e as escrituras atestam:

"E Bar Naba e Sha'ul, havendo terminado aquele serviço, voltaram de Jerusalém, levando também consigo a Yochanan, que tinha por sobrenome Marcos."

A palavra "serviço" nesse versículo foi traduzida do texto grego que traz "liturgueos", ou seja "liturgia", isso quer dizer que terminando a liturgia judaica Yossef bar Naba e Sha'ul haShaliach voltaram de Yerushalaim.

Tem mais uma passagem:

"Está alguém entre vós doente? Chame os presbíteros da igreja, e orem sobre ele, ungindo-o com azeite em nome do Senhor;"

A palavra "igreja" nesse versículo foi traduzida do grego "synagogué", ou seja, "sinagoga".

A Nova Aliança preserva a Torah e as tradições judaicas, ao contrário do que pregam por aí...

haTalmid shel Yeshua disse...

Quanto ao espirito santo, ele não é maior do que as escrituras, e se não entendemos as escrituras não alcançamos o espirito santo.

Pequeno Águia disse...

A palavra "serviço" nesse versículo foi traduzida do texto grego que traz "liturgueos"...
Errado, Está Escrito διακονία (diakonia)que quer dizer Serviço Mesmo, Serviço Ministerial, nada a ver com cerimonial judaico;
A palavra "igreja" nesse versículo foi traduzida do grego "synagogué", ou seja, "sinagoga".
Errado: Foi Traduzido De: ἐκκλησία (ekklēsia) Que Significa Chamado Para Fora, i.e. ( concreto ) um encontro, especialmente uma congregação religiosa(judaico sinagoga , OU comunidade de membros Cristãos.
Quanto Ao Espírito Santo, Ele É A Escritura.

Pequeno Águia disse...

Sem O Espírito Santo Não Se Compreende As Escrituras, Pois Ele É O Autor.

haTalmid disse...

"Sem O Espírito Santo Não Se Compreende As Escrituras, Pois Ele É O Autor."

O Autor é o Eterno, que transmitiu Suas palavras através do espirito santo. Não existe espirito santo que contrarie as escrituras, se houver, então esse espirito não é nada santo, mas sim um espirito imundo.

Não é o espirito santo que tem causado essas barbaridades que temos visto por aí, mas sim espiritos imundos e até mesmo o próprio homem que é mau desde a sua meninice.

haTalmid disse...

"Errado: Foi Traduzido De: ἐκκλησία (ekklēsia) Que Significa Chamado Para Fora, i.e. ( concreto ) um encontro, especialmente uma congregação religiosa(judaico sinagoga , OU comunidade de membros Cristãos."

Sim, você tem razão, porém o texto correto é Ya'akov (Tiago) 2.2, que na ARA traz a própria palavra "Sinagoga", mas na ARC traz "ajuntamento" e na NTLH traz "reunião", ou seja, tiram todo o contexto original judaico das escrituras.

haTalmid disse...

"Errado: Foi Traduzido De: ἐκκλησία (ekklēsia) Que Significa Chamado Para Fora, i.e. ( concreto ) um encontro, especialmente uma congregação religiosa(judaico sinagoga , OU comunidade de membros Cristãos."

Você tem razão, o texto se encontra em Ya'akov (Tiago) 2.2, onde a ARA traz a palavra correta "sinagoga", porém a ARC traz "ajuntamento" (da mesma forma que a tosca tradução ACF) e a NTLH traz "reunião", tirando todo o contexto original judaico da passagem.

haTalmid disse...

"Errado, Está Escrito διακονία (diakonia)que quer dizer Serviço Mesmo, Serviço Ministerial"

Mais uma vez me enganei sobre a referências mas existem outras, como Filipenses 2.17 onde no grego traz "liturgia" mas traduziram como "serviço" até mesmo na King James.

"nada a ver com cerimonial judaico;"

Ah sim, provavelmente era alguma liturgia católica ou talvez algum costume protestante....

haTalmid disse...

"Quanto Ao Espírito Santo, Ele É A Escritura."

Está explicado o motivo de tanta anomalia que vemos por aí.

Só mais uma coisa, isto não é um fórum de discussões.

Shalom

Pequeno Águia disse...

Acho que vc. não entendeu O Que Eu Disse.
E Mais: Eu Traduzi Dos Originais Em Grego, não da Revista e Atualizada, nem NTLH.
Pegue um Léxico e verás.
Ou Crês Em Toda A Bíblia Com Antigo E Novo Testamento, ou então amigo, vá para Israel Esperar As Duas Testemunhas De Apoc.11 que Surgirão em Jerusalém(se fores Judeu).
Mais uma coisa, sou interdenominacional, não tenho compromisso com denominações, Mas Com A Palavra.
Leia João 1 Verbo=Palavra ...E O Verbo Era Deus(Deus É Espírito); portanto nenhuma anomalia: O Espírito Santo É Deus Que É O Verbo Que É A Palavra. Junte. Deus É Um, ou vc. crê em trindade?
Quanto ao fórum, não posso por minhas opíniões? Se o dono quiser eu saio, sem problemas.

haTalmid disse...

"Acho que vc. não entendeu O Que Eu Disse."

Quem não entendeu foi você.

1º O texto é uma crítica às traduções tendenciosas, e não aos textos gregos. Os textos gregos trazem claramente uma essência judaica, porém as traduções fazem o que podem para eliminar qualquer resquício judaico das escrituras.

2º O assunto não tem nada a ver com escolher no que crer, mas sim como crer, a forma sadia de crer.

3º O assunto não tem a ver com a doutrina herética da 3dade, nós não cremos em trindade.

4º Este é um blog JUDAICO, e não cristão, portanto as opiniões são dadas e não discutidas, no máximo os comentários são respondidos por mim, sendo assim, a última palavra será judaica.

Shalom

O Peregrino disse...

Eu uso a Almeida Corrigida Fiél aos Textos receptus, para mim a única confiável.
Eu não tenho uma outra versão em portugues confiável e não sei falar em hebraico ou grego.
Qual bíblia em portugues você indicaria para leitura?
Quantos erros você achou na ACF?

Shalom!

Pequeno Águia disse...

Quem não entendeu foi você.

1º O texto é uma crítica às traduções tendenciosas, e não aos textos gregos. O que é NÃO SER TENDENCIOSO para ti? Ser de acordo com teu modo de pensar?Os textos gregos trazem claramente uma essência judaica,Nada disso, Deus Não Tem Partido. Os Textos Gregos Trazem A Natureza Daquilo Que É, A Bíblia É O Que É. O Novo Testamento Não é um "judaísmo recauchutado" nem mesmo um novo judaísmo; Paulo mesmo repreendeu DURAMENTE os judaizantes, e ainda ele mesmo teve que deixar todo seu judaísmo como REFUGO para RECEBER A PALAVRA COMPLETA EM REVELAÇÃO porém as traduções fazem o que podem para eliminar qualquer resquício judaico das escrituras.judaísmo e Novo Testamento (Ou Brit Chadachá)não tem nada a ver com judaísmo; ou vives na Lei ou Na Graça.

2º O assunto não tem nada a ver com escolher no que crer, mas sim como crer, a forma sadia de crer.
Cuidado, pois os religiosos nominais judaicos achavam que tinham "a forma sadia de crer" e crucificaram O Messias. Está Em Provérbios: Não te estribes em teu próprio entendimento.

3º O assunto não tem a ver com a doutrina herética da 3dade, nós não cremos em trindade.
Ótimo, eu também não creio da doutrina de 3 pessoas da trindade.
4º Este é um blog JUDAICO, e não cristão, portanto as opiniões são dadas e não discutidas, no máximo os comentários são respondidos por mim, sendo assim, a última palavra será judaica.
Não Seria Melhor A Única Palavra Ser ESCRITURÍSTICA?
Shalom
Shalom. (E por favor, não apague o que escrevi, podemos conversar normalmente, ok? Também sou Messiânico(Messiânico E Cristão Têm O Mesmo Significado).

haTalmid disse...

Peregrino,

Infelizmente as traduções cristãs estão sempre dando um jeito de "mascarar" tudo aquilo o que discorda da teologia cristã, ao invés de adequarem o cristianismo à bíblia segundo o contexto original judaico.

Infelizmente, quando não conhecemos os idiomas originais, ficamos à mercê dos tradutores que vão traduzir segundo a crença de cada um deles.

Recomendo que estude os idiomas originais, tenha várias traduções para comparar, e busque aquela que traga junto o contexto original para que você seja inserido no assunto de forma honesta e clara, e não apenas um amontoado de palavras que trazem apenas sombras das idéias originais.

Shabat shalom

haTalmid disse...

O que é NÃO SER TENDENCIOSO para ti? Ser de acordo com teu modo de pensar?

Não ser tendencioso, é não "puxar a sardinha" para o lado do cristianismo, religião que surgiu no final do 1º século com Inácio de Antioquia. Se alguém traduzir as escrituras através de outro contexto que não o original judaico, estará sendo tendencioso. Todos os escritores da bíblia eram hebreus ou judeus (inclusive Lucas, que segundo Eusébio, era um sírio convertido ao judaísmo.

Todos eles escreveram sobre o Mashiach, conforme era pregado no judaísmo, conforme era crido no judaísmo. Nenhum deles era cristão !!! Yeshua não era cristão, era judeu, circuncidado, era um rabino e frequentava sinagogas, portanto era um fariseu (ninguém era rabino ou frequentava sinagogas se não fosse fariseu).

Se você ler nas escrituras, verá que o judaísmo foi criado pelo Eterno assim que Ele ordenou a Avraham que se circuncidasse. nas escrituras você verá que D-us, é o D-us de Israel, e verá que a salvação vem dos judeus.

A fraca tentativa de nos tomar até mesmo nosso D-us, não prosperará porque o Eterno disse que amaldiçoaria aqueles que nos amaldiçoassem. D-us não tem partido ? Ele escolheu uma nação, e não a rejeitou como muitos de vocês gostariam e até mesmo afirmam. Ele instruiu essa nação, Ele inspirou essa nação, e nos deu autoridade.

O Eterno só cegou a nação judaica para o Mashiach para que ele fosse anunciado para as outras nações antes que todo Israel seja salvo, do contrário apenas nós teríamos acesso a D-us, que continua sendo o D-us de Israel.

Os Textos Gregos Trazem A Natureza Daquilo Que É, A Bíblia É O Que É.

Exatamente, um conjunto de tratados, relatos e compêndios judaicos.

O Novo Testamento Não é um "judaísmo recauchutado" nem mesmo um novo judaísmo

Não mesmo, é o bom e velho judaísmo de sempre, sem nada de diferente a não ser que já alcançamos o Mashiach.

Paulo mesmo repreendeu DURAMENTE os judaizantes

O termo judaizante é um termo totalmente antissemita (aliás como QUASE tudo no cristianismo), pois era utilizado para acusar os judeus convertidos à força pelo cristianismo, de continuarem professando o judaísmo em segredo.

e ainda ele mesmo teve que deixar todo seu judaísmo como REFUGO para RECEBER A PALAVRA COMPLETA EM REVELAÇÃO

Será? Vamos ver o que diz Atos 28.17:

"Três dias depois, ele convocou os principais dos judeus e, quando se reuniram, lhes disse: Varões irmãos, nada havendo feito contra o povo ou contra a tradição dos nossos pais, contudo, vim preso desde Jerusalém, entregue nas mãos dos romanos;"

Será que todos conseguem enxergar direito ? Sha'ul, o rabino fariseu de Beit Hilel dizendo que nunca fez nada contra a tradição judaica ? Ou será que vocês vão buscar colocá-lo em descrédito, tentando, patéticamente, distorcer um outro texto onde ele SUPOSTAMENTE diz o contrário disso ?

Que tal Atos 23.6 ? Vamos ver:

"Sabendo Sha'ul que uma parte do Sinédrio se compunha de saduceus e outra, de fariseus, exclamou: Varões, irmãos, eu sou fariseu, filho de fariseus! No tocante à esperança e à ressurreição dos mortos sou julgado!"

Alguém aqui leu que Sha'ul disse que "era" fariseu ? Sei que você gostaria de arrancar esse versículo das escrituras, mas vai ter que engolí-lo !!! Sha'ul disse "eu sou fariseu", ou seja, continuava como o grande rabino que era. Mas sei que vão tentar distorcer outro verso, isolando-o do contexto, contrariando a própria bíblia, para não deixar o ego inflamado ser derrubado tão duramente.

Vamos ver um texto muito interessante, pois trata de casos onde levantaram boatos sobre Sha'ul, dizendo que ele estava ensinando os judeus a não guardarem a Torah, e a se afastarem do judaísmo, mas o aconselharam a cumprir um voto de nazireado para provar que tudo isso não passava de mentiras, e que ele mesmo cumpria a Torah:

"e foram informados a teu respeito que ensinas todos os judeus entre os gentios a apostatarem de Moisés, dizendo-lhes que não devem circuncidar os filhos, nem andar segundo os costumes da lei. Que se há de fazer, pois? Certamente saberão da tua chegada. Faze, portanto, o que te vamos dizer: estão entre nós quatro homens que, voluntariamente, aceitaram voto; toma-os, purifica-te com eles e faze a despesa necessária para que raspem a cabeça; e saberão todos que não é verdade o que se diz a teu respeito; e que, pelo contrário, andas também, tu mesmo, guardando a lei.

Atos 21.21-24

Alguns versos antes desses, vemos a alegria dos judeus messiânicos quando souberam sobre os milhares de judeus que haviam crido, sendo todos eles zelosos da Torah. Preste atenção, o texto não diz "e todos eram zelosos da Torah", mas sim "são zelosos da Torah":

"Ouvindo-o, deram eles glória a D-us e lhe disseram: Bem vês, irmão, quantas dezenas de milhares há entre os judeus que creram, e todos são zelosos da lei;"

Atos 21.20

Que tal agora um verso onde ele fala das tradições ?

"Então, irmãos, estai firmes e retende as tradições que vos foram ensinadas, seja por palavra, seja por epístola nossa."

II Tessalonicenses 2.15

Que tradições seriam essas ? Seriam as tradições cristãs ? Seriam as tradições greco-egipto-romanas herdadas pelo cristianismo ? Não !!! Sha'ul como um bom fariseu, transmitiu tradições judaicas aos crentes para que eles entendessem melhor as escrituras, o Mashiach e a Brit Chadashah !!! Quer saber qual a mensagem de Sha'ul em duas frases ? Eu respondo:

"Judeus, sejam judeus, gentios, não precisam se tornarem judeus"

Ass: Sha'ul haShaliach

judaísmo e Novo Testamento (Ou Brit Chadachá)não tem nada a ver com judaísmo; ou vives na Lei ou Na Graça.

Ah não, deve ter a ver com o mitraísmo cristão, ou com o budismo, quem sabe o hinduísmo.... isso mostra bem o cristianismo, ou vive na lei, sem matar, sem roubar, sem adulterar, sem blasfemar, sem idolatrar, ou vive na graça [cristã] roubando dinheiro do povo, crendo no que quiser, adulterando, praticando o que é imundo perante o Eterno.

A graça bíblica é diferente, ela aparece quando tropeçamos nos mandamentos do Eterno, e por isso ainda somos perdoados. Talvez um dia vocês cheguem lá.....

Cuidado, pois os religiosos nominais judaicos achavam que tinham "a forma sadia de crer" e crucificaram O Messias. Está Em Provérbios: Não te estribes em teu próprio entendimento.

Precisa ler um pouco mais o Tanach (que Márcion, o herege, chamou de "Antigo Testamento", pois lá está escrito:

"Todos nós andávamos desgarrados como ovelhas; cada um se desviava pelo caminho, [b]mas o SENHOR[/b] fez cair sobre ele a iniqüidade de nós todos."

Yeshayahu (Isaias)53.6

E um pouco mais abaixo, no verso 10, lemos:

"Todavia, ao SENHOR agradou moê-lo, fazendo-o enfermar; quando der ele a sua alma como oferta pelo pecado, verá a sua posteridade e prolongará os seus dias; e a vontade do SENHOR prosperará nas suas mãos."

Então cuidado com quem você culpa pela execução de Yeshua....

Não Seria Melhor A Única Palavra Ser ESCRITURÍSTICA?

Segundo o contexto original judaico, sim, do contrário, são apenas um monte de palavras juntas em livros....

Messiânico E Cristão Têm O Mesmo Significado

Não, não tem!!! Messiânico é quem crê no Messias, alguém importante no judaísmo, enquanto cristão é o seguidor da religião cristã, a qual nasceu de gentios que distorceram as escrituras.

Shabat shalom

Herbert disse...

Respondendo ao fluvio:

Infelizmente não temos em português uma tradução melhor do que a Almeida Corrigida e Fiel. Ela é a que melhor se aproxima do texto vocalizado pelo rabino Jacob ben Chayyim(Torah) e do Texto Recebido(Novo Testamento) que concorda com 98% dos mais de 5000 manuscritos encontrados até hoje. Para quem sabe o inglês, considera-se a melhor tradução do idioma original a King James Version(1611). Vale apena pesquisar a história da tradução oferecida pela KJV.

Quanto a erros de tradução: podemos lembrar que Paulo ao citar Oséias 13:14 em ICor 15:54 e 55, não utilizou exatamente as mesmas palavras que o profeta. Afinal qual é o "filho de Abraão" que errou aqui: Paulo, Oséias ou os Setenta que traduziram o trecho para "contaminar" a doutrina de Paulo(Sha'ul)?

Pequeno Águia disse...

Irmão Herbert, gostei de tua resposta, e ainda acrescento: A Revista E Corrigida também é Muito Boa.
A Revista e atualizada é distorcida, parece que faltam Versículos que Estão No Texto Original, a ntlh nem é Tradução, mas uma interpretação própria.
Tanto A ACF Quanto A RC Seguem O Mais Literal Possível Os Textos Originais. A KJ Antiga É Ótima, Em Espanhol A Reina-Valera (Antiga).
Deus te Abençoe.

haTalmid disse...

Hebert só uma coisa: O caso que eu citei no meu artigo não é um erro de tradução, mas sim uma tendenciosidade absurda, uma fora suja de tentar esconder a judaicidade da Brit Chadashah.

Traduzir anomia como iniquidade, é um insulto à inteligência daqueles que conhecem as escrituras, principalmente no contexto original judaico. Os tradutores frequentemente traduzem "nomos" como "Lei", se referindo à Torah, mas quando aparece o termo "anomia" resolveram apagar a Torah desse texto, para que ninguém chegue à conclusão que transgredir a Torah é pecado.

Quem quiser conhecer as escrituras da Brit Chadashah, através do contexto original judaico, recomendo a leitura do "Novo Testamento Judaico", da Editora Vida, e também do "Comentário Judaico do Novo Testamento", da Editora Atos; ambos são obras do judeu messiânico (e não judeu cristão, pois não cremos no cristianismo, mas sim no judaísmo) David H. Stern.

Shabat shalom

Herbert disse...

Caríssimo David H. Stern,

Sou observador da Lei Moral resumida nas Tábuas do Testemnho(os Dez Mandamentos). Tenho o sétimo dia da samana como santo. Devo admitir que também tenho problemas com o texto em análise. Penso como você no que diz respeito à tendenciosidade da tradução. Ocorre que foram seres humanos falhos e pecadores que a traduziram.

De uma maneira geral, a edição Revista e Corrigida expressou bem a idéia do texto: "pecado é a transgressão da lei". Em compensação, esta mesma tradução(ARC) traduz o Apocalipse 22:14 desta forma:
"Bem-aventurados aqueles que lavam as vestiduras no sangue do Cordeiro, para que tenham direito à arvore da vida e possam entrar na cidade pelas portas". Veja a ABSURDA diferença entre o texto da Revista e Fiel: "Bem-aventurados aqueles que GUARDAM OS SEUS MANDAMENTOS, para que tenham direito à árvore da vida, e possam entrar na cidade pelas portas."
Podemos citar diversos outros textos onde a Fiel é superior. Há um texto, no entanto, que nem uma nem outra tradução foram fiéis ao Texto Recebido: Destaco Lucas 23:43 onde consta: "E disse-lhe Jesus: Em verdade te digo QUE hoje estarás comigo no Paraíso." Este texto da maneira que está traduzido, parece indicar que o ladrão estaria naquele mesmo dia com o Messias no paraíso. Mas no texto original não existe a palavra QUE. Foi um acréscimo! Para que serviria a rescurreição se todos quando morrem vão para o inferno ou para o paraíso? Vejo, também neste texto tendenciosidade. Mas daí dizer que toda a tradução é tendenciosa, deveriamos tomar cuidado. Mesmo assim acredito que a Almeida Revista e Fiel continua sendo a melhor tradução das Escrituras para o português. Ela é digna de crédito até o ponto em que ela aparentemente se contradiz. Daí surge a necessidade de comparar texto com texto, regra sobre regra...

Temos entre nós muitos judeus que não conhecem a língua de seus antepassados. Que tradução eles devem utilizar? A que melhor expresse o texto original como escrito pelos evangelistas. Ora, no tempo de Atos o Espírito Santo concedeu o dom de líguas para que israelitas de todas as regiões do globo pudem receber as boas-novas. A verdade é que nosso Deus é sábio - Judas 25(ARF).

Não podemos despresar o trabalho de homens que tiveram a intenção de levar o evangelho para todas as línguas.

haTalmid disse...

Podemos citar diversos outros textos onde a Fiel é superior.

Claro que podemos, e eu concordo, porém o que você não entendeu, é que se o texto diz ser fiel, então deve traduzir o texto fielmente, e não de acordo com as doutrinas posteriores que contaminaram a fé no Mashiach Yeshua, e ainda mais em um ponto tão simples, mas tão crucial como este, afinal essa é a única definição de pecado que temos nas escrituras, e ao invés de manterem a idéia do texto que diz que o pecado é a transgressão da Torah, não, simplesmente somem com a tradução em um dos únicos lugares que a palavra "nomos" pode ser traduzida como lei.

A que melhor expresse o texto original como escrito pelos evangelistas.

Exatamente, todos judeus, cumpridores da Torah, zelosos do judaísmo, que foram prejudicados por traduções baseadas em doutrinas totalmente estranhas às próprias escrituras.

Não podemos despresar o trabalho de homens que tiveram a intenção de levar o evangelho para todas as línguas.

Como diz um velho ditado: "O tradutor é um traidor..."

Eu desprezo tudo aquilo que não tem o objetivo de preservar o contexto original judaico das escrituras. Não adianta querer inserir um contexto romano, egípcio, grego, americano, chinês, brasileiro ou seja lá qual for !!! O contexto é judaico, só conseguimos compreender corretamente as escrituras através do judaísmo, através das tradições judaicas, dos escritos extra-bíblicos como o Talmud, como os targumim, e até mesmo como alguns escritos cabalísticos.

Yeshua era judeu, seus discípulos eram judeus, Sha'ul era judeu, portanto toda a escritura é judaica, e enquanto não entenderem isso, ainda veremos as maiores anomalias doutrinárias por aí....

Shalom

haTalmid disse...

Só mais uma coisa Hebert, se quiser mandar uma carta para David Stern, recomendo que não publique ela aqui pois duvido que ele vá ler... mande para o Netivyah Bible Institute em Jerusalém - Israel

Shalom

Herbert disse...

Acho que sempre antes de surrarmos uma tradução Bíblica poderíamos tentar entrar em contato com o tradutor. Achei válida a crítica postada neste Blog e resolvi entrar em contato com a Sociedade Bíblica Trinitariana do Brasil, editora da ACF. Fiquei maravilhado com o atendimento.

Assim escrevi:

Caros senhores,

Primeiramente gostaria de destacar meu apresso pelo estilo de tradução que vocês utilizaram prezando pela fidelidade ao texto em lingua original. A tradução palavra por palavra é importante para manter a pureza do texto.
Ocorre que houve um evidente equívoco, ou aparentemente uma intenção, por parte dos tradutores com relação ao texto de I João 3:4. Se a palavra é "anomia" que significa: sem-lei; fora-da-lei, por que optar pela palavra "iniquidade" ao traduzir quando não é em realidade isso que o Texto Recebido quer dizer? Qual seria o objetivo do apóstolo João em dizer que "pecado é iniquidade"? Em outras palavras: por que ele diria que pecado é pecado? Até a Almeida Revista e Atualizada traduz melhor: "pecado é transgressão da lei". A difamada Nova Versão Internacional traduz do mesmo modo.

Que argumento há para adulterar a única definição expressa de pecado que temos na Palavra de Deus?"

Assim me responderam:

"Prezado Irmão Herbert,

Obrigado que perguntou referente “anomia” em 1 João 3:4(sic).

Faremos um estudo profundo da questão. A sua colaboração apontando o que aparenta para o irmão a ser um erro é de grande valor para o trabalho que estamos fazendo. Se comprovamos que existe erro, será modificado.

Thomas L Gilmer, Pres.
Sociedade Bíblica Trinitariana do Brasil"

Marcelo disse...

Tenho estudo bastante sobre traduções da bíblia. A NVI (Nova Versão Internacional) tem alterado muito coisa, principalmente sobre Jesus (novo testamento) e agora está contaminando as outras bíblias como a ACF. Por ser uma bíblia com uma linguagem mais fácil, a NVI está sendo a mais utilizada nas igrejas.
Eu tenho usando sempre a King James (inglês) para comparar a tradução, já que por diversas vezes tenho notado que a King James é a mais fíel de todos.
Vejam esse link:
http://solascriptura-tt.org/Bibliologia-PreservacaoTT/ExpondoErrosNVI-Jun2000-Emidio.htm

joao disse...

Shalom

ainda bem que nem tudo está perdido!
há comentários como nesse blog trazendo luz ..

Juvencio disse...

O Autor deste tópico comete um grande erro ao referir o texto de 1 João.

A ACF é a tradução mais fiel da bíblia, pois ela utiliza o textus receptus e não o texto crítico.

Para compreender melhor o que digo, o textus receptus é o texto mais fiel possivel dos originais gregos.

Já o texto crítico possuí mais de 5.000 váriações e traduções.

A única bíblia brasileira a utilizar 100% o texto receptus é a ACF.

Todas as outras bíblias, inclusive as outras almeidas utilizam como base do texto ou partes do texto o conhecido texto crítico.

Portanto é melhor pesquisar antes de escreverem baboseiras e utilizarem o texto crítico grego como base, este, com mais de 5.000 variações e impresições.

haTalmid disse...

Juvêncio,

O tópico comenta a tradução feita do texto grego, e sua total inexatidão, anomia, tendenciosidade, e até mesmo antissemitismo. Que tal comentar sobre o texto ao invés de apenas postar um comentário baseado em nada?

filipe disse...

Saudações,

No seguimento da leitura deste post resolvi ler a versão do novo testamento de Ferreira de Almeida, publicada em 1681.
A mesma usa a expressão "pecado é injustiça" e adiciona a opção de tradução "o pecado é o que é contra a Lei".

Cumprimentos.

Davi Weiss disse...

Fazer propaganda de Tatuagem para ganhar dinheiro??????

Isso sim é transgredir a Torah!

λουκα disse...

Só tenho uma pergunta?
Quem de vocês ai falam em línguas estranhas?
Ou vocês acham que o pentecostes foi só naquela época?
Pois não é.
Como diz o apóstolo Sha'ul em 1 Coríntios 12:10

"E a outro a operação de maravilhas; e a outro a profecia; e a outro o dom de discernir os espíritos; e a outro a variedade de línguas; e a outro a interpretação das línguas."

Então, vocês falam em línguas estranhas?
Quem de vocês acreditam em um Deus trino?
Bom, existe sim trindade.
Deus Pai, também conhecido como YHWH.
Yhwhshua ou Yehoshua que é o nome de YHWH + Hoshea.
Ele é o verbo, e eis que como diz Yohanan, o verbo era YHWH.
Então Cristo é Deus.
Outra prova de que Deus é trino é a passagem de Gênesis 18:1-21, onde diz que YHWH apareceu a Abraão e quando Abraão olhou viu TRÊS homens, e depois mais tarde, nesse mesmo contexto, quando os homens falam a Abraão aparace escrito: "E disse o SENHOR (ou YHWH)"

Uma outra prova da trindade é que Yehoshua manda os seus discípulos batizarem em nome do Pai (YHWH), do Filho (Yehoshua) e do Espírito Santo.

E tem o versículo que mais prova a trindade, que o o texto de 1 Yohanan 5:7

"Porque três são os que testificam no céu: o Pai, a Palavra, e o Espírito Santo; e estes três são um."

Muitos dizem que esse versículo não existe, pois no Texto Crítico ele não aparece, mas no Texto Receptus (Do qual é baseado a ACF) ele aparece.

η χαρις του κυριου ιησου χριστου και η αγαπη του θεου και η κοινωνια του αγιου πνευματος μετα παντων υμων αμην

Shalom.

λουκα disse...

Só tenho uma pergunta?
Quem de vocês ai falam em línguas estranhas?
Ou vocês acham que o pentecostes foi só naquela época?
Pois não é.
Como diz o apóstolo Sha'ul em 1 Coríntios 12:10

"E a outro a operação de maravilhas; e a outro a profecia; e a outro o dom de discernir os espíritos; e a outro a variedade de línguas; e a outro a interpretação das línguas."

Então, vocês falam em línguas estranhas?
Quem de vocês acreditam em um Deus trino?
Bom, existe sim trindade.
Deus Pai, também conhecido como YHWH.
Yhwhshua ou Yehoshua que é o nome de YHWH + Hoshea.
Ele é o verbo, e eis que como diz Yohanan, o verbo era YHWH.
Então Cristo é Deus.
Outra prova de que Deus é trino é a passagem de Gênesis 18:1-21, onde diz que YHWH apareceu a Abraão e quando Abraão olhou viu TRÊS homens, e depois mais tarde, nesse mesmo contexto, quando os homens falam a Abraão aparace escrito: "E disse o SENHOR (ou YHWH)"

Uma outra prova da trindade é que Yehoshua manda os seus discípulos batizarem em nome do Pai (YHWH), do Filho (Yehoshua) e do Espírito Santo.

E tem o versículo que mais prova a trindade, que o o texto de 1 Yohanan 5:7

"Porque três são os que testificam no céu: o Pai, a Palavra, e o Espírito Santo; e estes três são um."

Muitos dizem que esse versículo não existe, pois no Texto Crítico ele não aparece, mas no Texto Receptus (Do qual é baseado a ACF) ele aparece.

η χαρις του κυριου ιησου χριστου και η αγαπη του θεου και η κοινωνια του αγιου πνευματος μετα παντων υμων αμην

Shalom.

Contato disse...

Novamente tentam combater bíblia com bíblia ao invés de tentar harmonizá-la. Quanto à Trindade para mim é assunto esgotado no artigo "Trindade Sim ou Não" publicado neste mesmo blog.

Claro que acreditamos em manifestação de dons, mas ao contrário da maioria que acha que essas manifestações são a razão, nós cremos que seja consequência da necessidade de se mostrar a presença de D-us.

Não buscamos as manifestações, buscamos uma vida conforme a Torah, que é o reflexo do caráter do Eterno, e então essas manifestações surgem quando forem necessárias.

Eribaldo Pereira disse...

Esse erro já foi corrigido na ACF 2011.

"Qualquer que pratica o pecado, também transgride a lei; porque o pecado é a transgressão da lei." (1 Jo 3:4 - ACF 2011)

Contato disse...

Davi Weiss, só publiquei o seu comentário porque achei muito engraçado! O Google Ads só mostra anúncios para o que a pessoa que visita o site procurou por último ou com mais frequência no Google, então se o anúncio que você viu foi sobre tatuagem, você buscou sobre tatuagem.

Rodrigo Garcia disse...

Este erro não foi corrigido! Ele continua sendo apresentado na versão conforme podemos ver aqui:

http://www.biblias.com.br/capitulos.asp?livro=62&cap=3

e Aqui:

https://www.bibliaonline.com.br/acf/1jo/3

Michael Scherer disse...

Foi corrigido sim. Tenho a ACF 2007 e a ACF 2011 e nesta última revisão o texto foi corrigido para "Qualquer que pratica o pecado, também transgride a lei; porque o pecado é a transgressão da lei." (1 Jo 3:4 - ACF 2011) Nestes sites o texto que aparece é o de 2007 ou anterior (1995), não o de 2011.

Flaviano Filho disse...

Estimado irmão,

o prefixo "a" não significa ser contra uma determinada coisa, mas ser contra qualquer coisa daquele tipo. Por exemplo, amoral não significa ser CONTRA a moral, contra um determinado código de ética, mas ser SEM moral, ser contra o conceito de haver qualquer código de ética.

Assim, "anomia" devia ser traduzido como "sem nenhuma lei". Iniquidade foi entendido assim, séculos atrás. Mas hoje não é, portanto a tradução para "sem lei" é melhor.



Contato disse...

Shalom Flaviano,

Na verdade o termo "anomia" também é "negação da lei", ou seja, o que o texto quer dizer literalmente seria "aquele que comete pecado, nega a lei, de fato, o pecado é a negação da lei", podendo ser lido também como "a falta de lei é pecado". A idéia do versículo é ensinar que a falta da Torah leva ao pecado.